CONVERSA COM EXÚ

23/01/2012 21:35

Conversa com EXÚ

por Fabio Pererira Marques, terça, 5 de Julho de 2011 às 13:02
 

Em uma terça feira, estava eu com os meus afazeres quando iniciou-se esta conversa:

- Salve Menino, Pode escrever uma linhas pra mim ?

- Salve, Senhor. Sim Senhor, Estou a sua disposição.

Segue abaixo o que ele me passou:

Saravá a todos,

Em minhas andanças descobri que as pessoas são sempre iguais. Iguais em suas soberbas, em suas magnanimidades, em suas megalomanias, em suas arrogâncias, em seus achismos. Isso porque todos se “acham” detentores da verdade absoluta. Detentores do único caminho que leva ao DEUS Único. Hipócritas.

Nestas minhas andanças, prestei serviços em diversas casas de cultos, terreiros, igrejas, templos budistas, reuniões espirituais, casas de oração, casas de rezadeiras, sempre realizando a minha função na criação, sem ninguém nunca nem saber que eu estava ali.

De alguns séculos pra cá, infelizmente as pessoas resolveram nominar a caridade, nominar o Amor de DEUS. Começaram dizendo que as rezadeiras eram bruxas. Depois começaram a falar que os índios não tinham fé, ou se convertiam ou eram mortos, começaram a se armar e guerriar em nome de DEUS, tudo em nome de um poder leviano e transitório.

Muitos me amam, outros tantos me odeiam, outros me temem, outros entendem que sou um demônio. Pensem o que quiser. Quando desencarnarem estarei lá para atende-los como atendo a todos os irmãos que, por ignorância se perdem na senda luminosa de retorno ao DIVINO CRIADOR.

Quem eu sou ?

Sou Exu.

Sou eu trabalhando, por vocês nas trevas da ignorância, no embaixo, por amor a DEUS e a sua criação.

Sou eu trabalhando no meio, por amor a DEUS e a sua criação.

Sou eu trabalhando no Alto, por amor a DEUS e a sua criação.

Sou eu, sou Exu, Sou uma criação trabalhando pelo seu criador e por suas criaturas. Querem me nominar então que me nominem. Querem me rotular, que me rotulem, pois vou continuar trabalhando.

Sr. Guardião Tranca Ruas das Almas, guardião da Luz nas Trevas.